segunda-feira, 21 de janeiro de 2013

MORREU A ATRIZ E BAILARINA HELOÍSA MILLET


Faleceu na última sexta-feira, no Rio de Janeiro, a atriz e bailarina carioca Heloísa Millet, aos 64 anos de idade, vítima de câncer. Tendo sido conhecida pelo seu trabalho de bailarina na abertura do programa Fantástico, da Rede Globo, em 1974, ela depois foi levada pelo diretor de teatro Zbigniew Ziembinsky para seguir carreira de atriz.

Ao saber do sucesso como bailarina da abertura do programa, Heloísa teve a impressão que relatou numa entrevista de 1994: “Sou pequena, baixa, e quando fiz aquela abertura, virei um mulherão de dois metros de altura. Então, acabaram-se os meus complexos".

Depois, ela fez uma personagem, Betina, na novela Estúpido Cupido, em 1976, e a esse trabalho seguiram-se outros nas novelas Espelho Mágico (1977), Te Contei? (1978), Feijão Maravilha (1979), Marrom-glacê (1979) e Elas por Elas (1982), todas na Globo.

Heloísa também participou da minissérie Terras do Sem Fim (1981) e no elenco do humorístico Estúdio A...Gildo (1982), comandado por Agildo Ribeiro e inspirado no teatro de revista. No cinema, Heloísa participou dos filmes O Rei e os Trapalhões (1979) e As Tranças de Maria (2003).

Nos últimos anos, ela vivia em Minas Gerais, tendo também morado em Goiás. Nos anos 90, ela deixou o trabalho de atriz para se dedicar à pintura. Só recentemente voltou ao Rio de Janeiro para tratar do câncer que a matou no último dia 18.

Heloísa Millet era considerada uma das musas da televisão mais desejadas nos anos 70. Ela foi casada com o pianista e maestro Edson Frederico, já falecido. A notícia do falecimento da atriz foi divulgada em primeira mão pelo mesmo Fantástico que a lançou à fama.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.