Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2010

MORREU A CANTORA E COMPOSITORA TEENA MARIE

A cantora, compositora e instrumentista de funk autêntico, Teena Marie, faleceu na noite do último domingo, 26, de causas não divulgadas. Nos últimos anos, todavia, amigos afirmavam que a cantora tinha um histórico de convulsões.

Ela era afilhada artística do soulman Rick James, já falecido, e iniciou sua carreira musical em 1975. Mary Brockert era seu nome de batismo e a cantora, mesmo branca, era um dos destacados talentos do funk autêntico, tendo feito sucesso entre os anos 80.

Seu primeiro álbum, de 1979, foi quase todo composto por Rick James, mas Teena não tardou a mostrar seu talento de compositora. Os LPs It must be magic (1981) e Starchild (1984) se tornaram grandes sucessos. Deste último, o primeiro pela Epic Records, depois de iniciar carreira fonográfica na Motown, vieram as músicas "Lovergirl" e "Ooo La La La", que se tornaram grandes sucessos nas paradas norte-americanas.

Ao longo da carreira, Teena lançou 13 álbuns. O último deles, Conga Square, foi lan…

MORRE CAPTAIN BEEFHEART, PARCEIRO DE FRANK ZAPPA

Lendário roqueiro Captain Beefheart morre aos 69 anos

Do Portal Terra

Don Van Vliet, conhecido pelo pseudônimo Captain Beefheart, um dos principais nomes do rock experimental americano nas décadas de 60 e 70, morreu nesta sexta-feira (17) por complicações de esclerose múltipla, na Califórnia. O falecimento foi anunciado pela Michael Warner Gallery, de Nova York, que representa seu trabalho como artista plástico, informa o site da revista Rolling Stone.

Junto com o amigo de infância Frank Zappa, Vliet foi um dos fundadores do chamado "art rock" na década de 60, mesclando o rock and roll psicodélico da época com o blues, free jazz, experimentalismos de vanguarda e letras surreais e bem-humoradas. Seu grupo, o Magic Band, com uma formação mutante de músicos, existiu entre 1965 e 1982, sob seu forte controle criativo.

Nascido em 1941 na cidade de Glendale, Califórnia, desde criança Vliet mostrou propensão para a arte. Ele gostava de pintar e esculpir animais como dinossauros e peixe…

BLAKE EDWARDS MORRE AOS 88 ANOS

Um dos maiores nomes da comédia mundial, Blake Edwards faleceu na manhã desta quinta-feira, 16 de dezembro, aos 88 anos.

Do sítio Adoro Cinema

Edwards foi responsável pela criação de uma das maiores franquias cômicas da história, A Pantera Cor-de-Rosa, e de muitos outros sucessos no gênero, como Um Convidado Bem Trapalhão e Mulher Nota 10.

Mas antes de criar o Inspetor Clouseau (personagem imortalizado por Peter Sellers e que mais recentemente foi interpretado por Steve Martin), o cineasta também havia provado ter talento para comandar romances, tendo dirigido o belíssimo Bonequinha de Luxo, filme que ficou marcado pela cena em que Audrey Hepburn canta "Moonriver" em sua janela.

O diretor foi grande amigo do compositor Henry Mancini, com quem trabalhou já em seu primeiro sucesso, a série televisiva "Peter Gunn". Mais tarde, Mancini realizou para o amigo a trilha de A Pantera Cor-de-Rosa, que é ponto chave na franquia.

A série do atrapalhado inspetor francês conta ainda …

A FIGURA ÍNTEGRA DE OSCAR NIEMEYER

Por Alexandre Figueiredo

Os brasileiros deveriam ouvir os mais sábios, aqueles que têm sempre o que dizer.

Não com arrogância nem com pedantismo, mas com simplicidade e capacidade de aprender e desenvolver experiências e transmitir lições.

Uma grande oportunidade é ter o arquiteto Oscar Niemeyer vivo, aos 103 anos, lúcido e trabalhando.

É vê-lo com a criatividade de um menino desenhando e criando seus projetos.

E ele fez muitas obras, desde os anos 40. Como o conjunto da Pampulha, em Belo Horizonte, e o prédio do antigo Ministério da Educação, no Castelo, no então Distrito Federal que hoje é a cidade do Rio de Janeiro.

E participou na elaboração do prédio-sede da Organização das Nações Unidas, assim como dos prédios da Esplanada dos Ministérios de Brasília.

Sem falar do Museu de Arte Contemporânea de Niterói, que, sempre que faço caminhadas pela orla de Icaraí até Boa Viagem, tenho a oportunidade de passar por perto e admirar.

Mas Niemeyer também foi e é um ativista social.

Um socialista autên…

GODARD, 80 ANOS NA CRISTA DA "NOVA ONDA"

COMENTÁRIO DESTE BLOG: Hoje é o aniversário de 80 anos de um dos poucos cineastas de vanguarda ainda vivos e ativos, o polêmico Jean-Luc Godard, numa época em que o cinema perde tantas referências vivas que muitos incautos imaginam que até o cinema comercial mais razoável é "vanguarda" ou "alternativo". Em épocas onde a burrice travestida de inteligência impera, muitas vezes sob o signo da chantagem e do esnobismo, isso é muito grave. Em compensação, o Brasil de hoje mais parece um filme de Luís Buñuel.

Godard, 80 anos na crista da "Nova Onda"

Da Agência EFE

O Pai da "Nouvelle Vague", a revolucionária onda que mudou o cinema por uma proposta crítica e comprometida, o cineasta Jean-Luc Godard completa nesta sexta-feira 80 anos, ligado a uma visão particular do cinema e da vida.

Poucos meses depois que seu último filme, "Film Socialisme", chegou às telas de alguns países, o cineasta franco-suíço não se esquivou das polêmicas.

Acusado de "…

O DISCURSO DE CABO ANSELMO

COMENTÁRIO DESTE BLOG: Espécie de ancestral da juventude pseudo-esquerdista dos últimos 15 anos, e que está a todo canto mostrando sua agressividade da linha CCC, mas adotando uma postura falsamente socialista, o sargento José Anselmo dos Santos, o Cabo Anselmo, se autopromoveu diante da revolta de sua classe no Rio de Janeiro. Ele fez um discurso que é reproduzido abaixo, e que conseguiu enganar muita gente naqueles idos de março de 1964.

Aparentemente um porta-voz solidário da classe revoltosa, que reivindicava direitos simples como se elegerem deputados e se casarem, Cabo Anselmo no entanto não passava de um agente da CIA, que teria criado um tumulto entre os militares de patentes inferiores, criando um contexto entre tantos outros (como a pressão da Marcha Deus e Liberdade, por exemplo) para a realização do Golpe de 1964 e a ditadura.

Mais tarde, Cabo Anselmo, tão falsamente esquerdista, revelou-se depois um direitista "desiludido com o marxismo", dos mais cruéis, entregan…

35 ANOS SEM VLADIMIR HERZOG

Por Alexandre Figueiredo

Em 1975, eu era um menino de quatro anos. Ficava nos meus brinquedinhos em casa, no Barreto, em Niterói, e via muitos desenhos animados, além de expressar minha já surpreendente busologia, porque já começava a entender de transporte coletivo nessa época.

O Brasil em que eu vivia não parecia perigoso, mas era, e muito. Afinal, o temível quinto ato institucional da ditadura militar (o AI-5) vigorava com energia, tendo permitido os órgãos de tortura a "fazer a limpa" em boa parte da guerrilha, até então. E, naquele 25 de outubro, um fato ocorreu que eu, obviamente, só tomaria conhecimento a partir do fim dos anos 80, já perto de meus 18 anos.

Sim, não se podia ficar informado do assassinato do jornalista Vladimir Herzog, diretor de jornalismo da TV Cultura de São Paulo. A censura pegava pesado. Circulou uma versão de que ele havia se suicidado dentro de sua cela no DOI-CODI. Uma versão vagabunda, cínica, inverossímil, e mesmo a "pose" de Herzog e…

PELÉ COMEMORA 70 ANOS COM HOMENAGENS E LEMBRANÇAS

Do Portal Terra

O rei faz 70 anos. Pelé, que decidiu comemorar longe dos holofotes que sempre o perseguem, terá uma rodada do Campeonato Brasileiro com seu nome, além de inúmeras homenagens, com imagens e gols, que lembram a sua carreira de campeão.

O ex-jogador pretende passar o aniversário no sábado com sua família no Brasil, em um lugar não-revelado. Nos gramados, as partidas do fim de semana no Brasileiro se chamarão "Rodada Pelé 70 Anos", e um jogador do Santos vestirá a camisa 70 em homenagem ao eterno ídolo do clube.

Considerado o "Rei do Futebol", Pelé nunca deixou de ser centro das atenções. Qualquer comentário dele vira manchete. Exposições e filmes sobre a carreira do tricampeão mundial com a seleção brasileira acontecem periodicamente. Em Santos, um museu está sendo erguido em sua homenagem.

A importância de Pelé para o futebol mundial é lembrada ainda em diversos especiais da mídia, que repete os gols mais bonitos, os dribles, as jogadas memoráveis, os div…

JOHN LENNON FARIA 70 ANOS

Um dos mais famosos músicos ingleses é lembrado hoje.

O controverso John Lennon, um dos integrantes dos Beatles, faria 70 anos de nascimento neste dia.

Durante menos de 25 anos, o músico participou de uma das fases mais ricas e abrangentes da história da música mundial, e a do rock em particular.

Só os dez anos em que ele cantou e tocou uma das guitarras nos Beatles são de uma riqueza de experiências que até hoje rende muitos livros.

Foi um dos talentos emergentes do rock de garagem de Liverpool, ainda sob o frescor do skiffle, o ritmo jovem britânico que influenciou muito a "batida do Mersey", nome do rio que passa pela cidade inglesa.

Foi um dos principais nomes da revitalização do rock dos EUA pelo outro lado do Atlântico, uma vez que o rock estadunidense saiu desacreditado, viu jovens talentos morrerem cedo e sofreu a invasão de canastrões, enquanto a soul music ocupava o coração dos jovens.

John Lennon, juntamente com seus parceiros Paul McCartney, George Harrison e Ringo Sta…

HÁ 40 ANOS, MORRIA JANIS JOPLIN

Do Portal Terra

Há quarenta anos, em 4 de outubro de 1970, a cantora americana Janis Joplin morreu, devido à uma overdose de heroína, com apenas 27 anos. Sua morte e a de Jimi Hendrix, duas semanas antes, em 18 de setembro, também com 27, foram um duro golpe para a geração hippie e os amantes do rock and roll.

Janis Lyn Joplin nasceu em 19 de janeiro de 1943 na cidade de Port Arthur, no Texas. Desde cedo o espírito rebelde da garota se expressava através da música e da arte. Ela começou a cantar influenciada pelas grandes vocalistas de blues, como Bessie Smith. Apesar de branca, Janis admirava a música e a cultura negras, numa época em que a segregação racial ainda era muito forte nos Estados Unidos, e a voz potente e cheia de emoção não devia nada às grandes cantoras negras.

Após circular pelos círculos beatniks de Nova York e San Francisco, ela foi morar em Austin, no Texas, onde cursou a Universidade do Texas. Desta época começou suas experiências com drogas e bebida, que a levaram ao…

"MINDUIM" COMEMORA 60 ANOS

A Turma do Charlie Brown comemora 60 anos de publicação. Suas histórias ora eram dotadas de humor sarcástico, ora eram cheias de profundo lirismo, e toda essa obra foi produzida desde 02 de outubro de 1950, quando foi lançada a primeira tira, até 13 de fevereiro de 2000, um dia após o falecimento de seu autor, Charles M. Schulz.

Conhecido como Sparky desde a infância, Schulz, na verdade, havia criado um embrião da Turma do Charlie Brown, chamado Lil'Folks, onde já se via o personagem Charlie Brown e um cachorro com as caraterísticas semelhantes ao Snoopy das primeiras tiras, além de haver um outro personagem fanático pela música de Ludwig Van Beethoven, a exemplo do pianista Schroeder.


LIL' FOLKS: O "EMBRIÃO" DA TURMA, JÁ COM CHARLIE BROWN E SEU CACHORRO, ENTÃO SEM NOME.

Lil' Folks foi publicada entre 22 de junho de 1947 e 22 de janeiro de 1950. Para não ser confundida com obras da história em quadrinhos como Lil'Abner (criação de Al Capp conhecida, no Brasil, c…

HÁ 55 ANOS, MORREU JAMES DEAN

Do blog TV pelo Espectador

No dia 30 de setembro de 1955, o choque de seu Porsche em alta velocidade contra um Ford que vinha em direção contrária causou a morte imediata do jovem ator de cinema, levando a consternação internacional.

James Byron Dean nasceu em Fairmont, no estado americano de Indiana, em 8 de fevereiro de 1931. Mudou-se com sua família para Los Angeles quando tinha cinco anos de idade. Aos oito, após a morte da mãe, retornou ao Meio-Oeste, onde cresceu na fazenda de um parente. Retornou para a Califórnia, matriculando-se no Santa Monica Junior College e, mais tarde, na universidade UCLA.

Dean estreou no meio artístico com um pequeno grupo teatral dirigido por James Whitmore, também em comerciais de TV e representando pequenos papéis em diversos filmes.

Em 1952, foi para Nova York, onde trabalhou como motorista de ônibus até conseguir uma ponta na peça See the Jaguar, na Broadway. Depois, frequentou aulas no Actors Studio, atuou na televisão e retornou para a Broadway no T…

FLINTSTONES COMPLETAM 50 ANOS

Do blog Sobre Isso

I Yabba Dabba-Do!! Bedrock está em festa!! Os pré-históricos mais famosos do planeta estão comemorando 50 anos.

Quem não se lembra das confusões de Fred Flintstone e o seu melhor amigo Barney Rubble, ao lado de suas esposas Vilma e Bete, seus filhos Pedrita e Bambam e do adorável Dino, o dinossauro de estimação que jogava o Fred no chão toda vez que ele chagava do trabalho.

Criado nos estúdios Hanna-Barbera, os Flintstones foi exibido pela primeira vez na ABC no dia 30 de setembro de 1960 e teve 166 episódios, sendo que o último foi exibido no dia 1º de abril de 1966.

O sucesso da série foi tanto, que ele foi parar no horário nobre da tv. Criado por William Hanna e Joseph Barbera, até hoje é uma de suas mais rentáveis criações.

Estima-se que o desenho já foi assistido por mais de 300 milhões de telespectadores em 80 países e dublado em 22 idiomas e com certeza marcou diversas gerações.

Após a sua última temporada (1966), foi produzido o primeiro especial da série “Um Home…

ATOR TONY CURTIS MORRE AOS 85 ANOS

Do Portal Terra

O ator americano Tony Curtis morreu aos 85 anos em sua residência na cidade de Henderson, no estado americano de Nevada, informou nesta quinta-feira (30) sua filha, a atriz Jamie Lee Curtis, ao site Entertaiment Tonight.

Protagonista de várias comédias de Hollywood das décadas de 1950 e 1960, como Quanto Mais Quente Melhor (1959), Curtis foi hospitalizado em julho em Las Vegas (EUA) por conta de problemas respiratórios, mas ainda não foram divulgados detalhes de sua morte.

Com mais de 50 anos de carreira e uma centena de filmes como protagonista, Curtis, cujo verdadeiro nome era Bernard Schwartz, nasceu em 3 de junho de 1925, em Nova York, em uma família de origem judaica.

Estudou interpretação na Academia de Arte Dramática de sua cidade natal e, em 1949, estreou em Hollywood com um papel de coadjuvante em Baixeza.

Sua popularidade no cinema começou dois anos depois com O Príncipe Ladrão e protagonizou depois títulos como Trapézio (1956), Acorrentados (1958) e Spartacus.

Uma…

ENTREVISTA COM GERALDO VANDRÉ

Por Geneton Moraes Neto - Blog Dossie Geral 21.09.2010

A pergunta que todos gostariam de fazer é a mais simples possível: o que foi que aconteceu com Geraldo Vandré ?
Vandré : “Ficou fora dos acontecimentos (ri). Ficou fora dos acontecimentos. Acho melhor para ele. Tenho outras coisas para fazer. Estudei leis. Quando terminei meu curso de Direito aqui no Rio e fui me dedicar a uma carreira artística, já sabia que arte é cultura inútil. Mas hoje consegui ser mais inútil do que qualquer artista. Sou advogado num tempo sem lei. Quer coisa mais inútil do que isso ? Quando entrei na escola, para estudar, era a Universidade do Distrito Federal. Quando saí, era Universidade do Estado da Guanabara. Hoje, é Uerj, no Maracanã”.

Você se animaria a fazer uma temporada comercial,em teatros ?

Vandré : “Tenho uma prioridade: fazer a minha obra de língua espanhola. É uma obra popular. Além de tudo, o que quero fazer, antes de cantar canções populares no Brasil, é terminar uma série de estudos para piano…

HÁ 40 ANOS, JIMI HENDRIX SE FOI

Jimi Hendrix nos deixou há 40 anos atrás.

Grande músico, excelente compositor e até talentoso cantor, Jimi teve uma brevíssima carreira, que no entanto produziu uma riqueza artística que provocou um enorme impacto no cenário da música, fazendo com que outros guitarristas de rock, mesmo muito talentosos, fundissem a cuca diante das ousadias do jovem mestre.

Jimi foi um guitarrista de soul music, lá pelos meados dos anos 60. Gravou com Little Richard, Isley Brothers, Ike & Tina Turner, e tantos outros. Era um jovem discreto, embora afeito a performances que chamavam a atenção, ainda que não sejam exibicionistas. Little Richard não gostava de competir, em performances, com seu guitarrista de apoio. Mas, por incrível que pareça, Hendrix não era exibicionista, ele apenas vibrava com o som da guitarra que tocava. Hendrix fazia o que gostava, senão não teria sido o importante músico que foi e continua sendo para nossa lembrança.

Pois o talento de Jimi Hendrix com sua Fender Stratocaster (ma…

JOVEM GUARDA: GRAVAÇÕES ORIGINAIS SÃO ESQUECIDAS DO GRANDE PÚBLICO

EDUARDO ARAÚJO - Antiga gravação é resgatada como tema de seriado da Rede Globo.

Atualmente, está no ar o seriado Separação?!, da Rede Globo, criação do casal Fernanda Young e Alexandre Machado. Prestes a encerrar sua primeira temporada, o seriado escolheu como tema uma antiga gravação de "Pode Vir Quente que Eu Estou Fervendo", sucesso da Jovem Guarda, na voz de um de seus autores, Eduardo Araújo (que fez a música com Carlos Imperial, para quem não sabe uma espécie de Carlos Eduardo Miranda dos anos 60). A gravação, se não me falha a memória, é de 1965.

É algo estranho que acontece com um fenômeno que até mantém-se relativamente forte na lembrança das pessoas e consegue ser apreciado até mesmo por gerações mais jovens, mesmo aqueles que nasceram quando os antigos cantores jovens já estavam na casa dos quarenta.

A Jovem Guarda é muito lembrada, mas as gravações originais são praticamente esquecidas, prevalecendo as regravações que sucessivamente aconteceram ao longo do tempo, s…